A vida que nos cabe

0

Nós estamos vivendo essa tal vida que nos cabe. Juntamos uns caquinhos aqui, mexemos uns pauzinhos ali, vamos enfrentando esse mundo de desafios e dessa danada rotina.

Costumo dizer que as vezes não matamos um leão por dia, e sim o zoológico inteiro, muitas vezes com aquele nó na garganta e com a lágrima presa.

Vivo tentando entender porque tantas pessoas más tem se dado bem na vida. Não compreendo o porquê de um mundo tão cruel e duro. Tentamos ser leves buscando sempre um aconchego para a alma, porém tenho que admitir que hoje em dia é complicado ser assim.

Temos tentado perdoar nosso destino. Também tentamos nos perdoar. Vamos chegando de mansinho, tímidos, pedindo licença para a felicidade, como quem diz: ”Olha dona felicidade, eu me considero uma boa candidata para ser feliz e essa vocação não tem dificuldade alguma que me tire ok?!”.

Estamos tentado fazer as melhores escolhas possíveis, tentando acertar essa coisa chamada de viver.

Tentamos nos desprender dos ”nãos” que nos impedem de tentar novamente. Muitas vezes, não temos opção além de continuar. E seguimos. Continuamos. Pegamos o trem, engolimos o nosso orgulho e nos enfeitamos com um pouco de esperança, e vivemos.

Todos nós temos vocação para viver e ser feliz. Nossa vida é muito breve e frágil.

Existem muitas alegrias em nossas vidas e eu já citei em outros textos algumas delas: Escutar o canto dos pássaros, contemplar o nascer do sol, sentir a mãozinha de uma criança sobre a sua, na confiança de que ela estará segura, ouvir uma boa música, conversar, ouvir, abraçar, beijar, tomar banho de chuva, entre tantas outras.

Dissabores sempre faram parte de nossa jornada. Muitas vezes teremos que insistir, pedir perdão e renovar algumas promessas.

Continuemos nossa jornada confiando sempre Naquele que não permite que uma folha caia da árvore sem que Ele esteja atento. Que nos lembremos diariamente que não estamos neste univer­so maravilhoso por um acaso. Fomos predestinados e uma de nossas missões é sermos agradáveis e fazermos a diferença.

Somos únicos e escolhidos a dedo. Desperte ! E não se esqueça que somos todos detentores de uma filiação divina e vocacionados a vivermos FELIZES!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: